Pular para o conteúdo principal

CIRURGIA PARA VOLTAR A OUVIR - IMPLANTE COCLEAR

O MILAGRE DA AUDIÇÃO

IMPLANTE COCLEAR OU "OUVIDO BIONICO"



Crianças e adultos vítimas de surdez profunda e sem poder aquisitivo para bancar uma cirurgia corretiva podem ter esperanças de voltar a escutar. Basta que o implante coclear seja indicado para o seu tipo de problema. Isso por que o SUS (Sistema Único de Saúde) já oferece esse tipo de operação em hospitais de São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Rio Grande do Norte.


Desde 1990, 700 pessoas já foram beneficiadas. Em breve, o Rio de Janeiro também entrará na lista com o credenciamento do Hospital Gafrée e Guinle pelo Ministério da Saúde. A cirurgia é indicada para pessoas que não podem usar aparelhos auditivos convencionais.“É um procedimento de alta complexidade e o Sistema Único de Saúde arca com os todos os custos”, explica o Dr. Fernando Portinho, otorrinolaringologista, professor da Escola de Medicina da UNIRIO (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro) e coordenador do projeto.O tratamento completo sai realmente uma fortuna. “A prótese custa cerca de U$ 20 mil dólares, ou R$ 60 mil, e a cirurgia cerca de R$ 10 mil”, revela Cristina Simoneck, audiologista do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES). Após o implante, diz a especialista, o paciente ainda precisa fazer a regulagem do aparelho com um audiologista especializado e cada seção sai por cerca de R$ 500.


A cóclea é responsável pela transmissão das vibrações sonoras para o cérebro e pela capacidade do ser humano de perceber os sons. Segundo o Ministério da Saúde, a deficiência auditiva atinge três em cada mil crianças - índice mais alto do que algumas doenças de testagem obrigatória, como a fenilcetonúria, que é detectada pelo teste do pezinho e atinge um em cada dez mil bebês.


Doenças infecciosas que atingem a área do ouvido, como a meningite, e outros fatores externos, como a exposição constante a altas pressões sonoras, são algumas das causas da surdez em adultos.O alto custo dos aparelhos convencionais, que podem chegar a R$ 3 mil, é um dos obstáculos para famílias como a de Alessandra. “Com um relatório do fonoaudiólogo e do audiologista, constatando a necessidade do uso do aparelho, cópias da certidão de nascimento, da carteira de identidade e do comprovante de residência, a pessoa pode se cadastrar nos postos de saúde do município e conseguir uma doação”, orienta a audiologista do INES Telma de Souza Siqueira.


O MILAGRE DE VOLTAR A OUVIR


Os candidatos ao implante passam por um processo seletivo rigoroso, onde são avaliados diversos aspectos que podem influenciar no sucesso da cirurgia. “Os melhores resultados acontecem em adultos e em crianças com até seis anos de idade. A participação da família é um dos fatores levados em consideração”, observa Dra. Maria Cecília que também vai participar da equipe carioca do Gafrée.


“É importante preparar o paciente e sua família para os riscos da operação. Não é possível prever o que cada pessoa vai ouvir. O momento de ativação do aparelho, feito 30 dias após a cirurgia, é bastante difícil”, adverte Maria Cecília Bevilacqua, membro da equipe do Hospital Centrinho, em Bauru (São Paulo). Ainda que os médicos avisem que pode ser uma experiência frustrante, o momento de saber se a cirurgia deu certo, com a ativação do aparelho, é sempre aguardada com grande expectativa.Alguns, têm mais sorte. “Disseram que na primeira semana eu não seria capaz de distinguir todos os sons, principalmente a voz humana. Mas meu caso surpreendeu a todos, passei a escutar tudo”, conta radiante Marta Martins, 46 anos, moradora de Nilópolis, município da Baixada Fluminense. Operada pela equipe da Unicamp no final de junho, Marta foi “ativada” na primeira semana de agosto e é considerada um caso raro.“Escutava a mesma voz para todas as pessoas. Depois de uma semana, já fazia a distinção entre os timbres masculinos e femininos, mas hoje já diferencio todas. Ouço como se tivesse escutando um rádio, mas ouço, e isso é o que importa”, relata Marta, exultante. Ela começou a perder a audição gradativamente há 14 anos e, há dois anos, após uma labirintite, ficou completamente surda. “Descobri o implante pela Internet, comecei a freqüentar os grupos de discussão e as home-pages das associações de deficientes auditivos como a ADAP (www.adap.org.br) e resolvi procurar o médico responsável pelas cirurgias em Campinas, em São Paulo”, conta. “É um momento de muita emoção, só se compara ao nascimento de um filho”, completa.


CORRENDO CONTRA O TEMPO


Em casos de crianças que nascem surdas, é preciso correr contra o tempo. “O cérebro humano está habilitado a desenvolver linguagem até os seis anos”, explica a fonoaudióloga do INES Mônica Campelo. Ela explica que o papel da família é fundamental para o desenvolvimento da linguagem. Crianças que começam cedo, diz a fonoaudióloga, têm um rendimento maior em relação às outras. Responsável pela terapia de Marcos, ela acredita que o menino pode ser contemplado com o implante coclear se der seqüência ao treinamento de oralização com a ajuda do aparelho.Atualmente, de acordo com uma lei municipal, todas as crianças nascidas em maternidades do Rio de Janeiro deveriam passar pela primeira triagem para identificar deficiências auditivas: o 'exame de emissão otoacústica evocada', o teste da orelhinha. “É um teste simples, que pode ser feito com o bebê dormindo, que não dói nem incomoda. Leva só quinze minutos para ser realizado”, explica a audiologista Cristina Simoneck.O exame é pago pelo SUS nas maternidades municipais do Rio de Janeiro, de Duque de Caxias e de Nova Iguaçu. Alguns hospitais particulares também oferecem o serviço, coberto pela maior parte dos planos de saúde. “O único plano que se recusa a pagar pelo teste é a AMIL”, completa Dra. Cristina. As crianças que apresentam algum tipo de perda auditiva são submetidas a outros exames para determinar a intensidade e o tipo de tratamento indicado.


“Depois de diagnosticada, a criança deve usar o aparelho auditivo de amplificação para utilizar os resíduos auditivos remanescentes e iniciar um trabalho de reabilitação”, recomenda a audiologista.Para as famílias, a notícia é sempre difícil. “Tomar consciência de que a surdez não tem cura é um baque”, diz Fátima Brea, mãe de Renata Brea, 7 anos, que acaba de receber um implante na UNICAMP. Ela ensina: “É preciso um esforço por parte da família para ensinar a criança e se comunicar dentro de suas limitações e necessidades”.Se a criança tiver surdez profunda, é preciso consultar um otorrino para saber se o implante é apropriado. "Se for, o melhor a fazer é se cadastrar no programa de implantes”, recomenda a fonoaudióloga Valderez Prass Lemes, que vai coordenar, junto à Dra. Maria Cecília, a reabilitação dos implantados no Gafree.“Fazer o implante não é curar a surdez. Existem algumas limitações do aparelho, mas é um recurso tecnológico fantástico que permite a adultos e a crianças a se inserirem na sociedade normalmente” completa Valderez.“Tenho muita esperança de ouvir meu filho falando um dia. Sei de suas limitações e que isso vai demandar muito trabalho, mas uma mãe nunca desiste”, entusiasma-se Alessandra, estimulada pelo otimismo da fonoaudióloga de Marcos. “Acredito que tudo é possível. Marcos é um menino muito esforçado e sua determinação é apaixonante”, emociona-se Mônica.


Hospitais credenciados pelo SUS nos programas de implante coclear no Brasil *


Programa de IC da Faculdade de Medicina da UFMGDr. Paulo Fernando Crosara Tel.: (31) 3222-2891

Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – Campus Ribeirão PretoDra. Maria Cristina Feres Tel.: (16) 602-2423

Faculdade de Medicina da UFRS – Hospital das Clínicas de Porto AlegreDr. Luiz Lavinsky Tel.: (51) 3330-2444

Faculdade de Medicina de São Paulo – Fundação Otorrinolaringológica – Hospital das Clínicas de São PauloDr. Ricardo Ferreira Bento ou Dr. Rubens Vuono de BrittoTel.: (11) 3088-0299 www.hcnet.usp.br/otorrino

Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP – Hospital das Clínicas de Campinas

Dr. Paulo Rogério Porto Tel.: (19) 3788-7524 ou 3233-6199

Universidade de São Paulo - Campus Bauru - Centrinho

Dr. Orozimbo Alves Costa FilhoTel.: (14) 235-8168 http://www.centrinho.usp.br/-Centro Suvag do Rio Grande do NorteDr. Rodolfo Tel.: (84) 605-2477 ou 605-0303
* Fonte: CRIFAL http://www.valderezfono.fnd.br/

COMENTÁRIO MUITO IMPORTANTE RECEBIDO:

Meu filho e deficiente auditivo, estou fazendo o inplante nessa terça (24/11/2009) é uma sonho saber que meu filho vai escutar minha voz e me chamar de pai, eu não sabia de toda tecnologia nessa área. almir.bezerra@vcimentos.com.br esse é meu e-mail caso possa te ajudar?

Comentários

leandro disse…
nao sabia que os surdos poderiam ter uma chance de ouvir tenho uma colega suarda gostaria de saber se ela poderia recebr este beneficio
Anônimo disse…
minha mãe pedeu a audição depois de uma crise de labiritite,já usou vários aparelhos mais sem sucesso.gostaria muito que ela pudesse fazer essa cirugia,pois minha filha nasceu e ela munca ouviu a voz da sua unica neta.agradeço desde já a atenção.
Janaína disse…
Oi Monique,obrigada pela informação.Tenho um sobrinho de 17 anos surdo bilateral,gostaria muito que ele fizesse essa cirurgia.Moro no Rj,sabe disser como ele pode fazer essa cirurgia pelo SUS?Ele mesmo está super interessado.Ele vive distante sem amigos.Meu msn ou imail é jana1972feliz@hotmail.com . Obrigada desde já.
Anônimo disse…
Oi Monique, eu gostei muito da sua matéria, pois tenho um irmão,que perdeu a audição com 3 anos e hoje já está com 40, sem conhecer o som da vida.Você pode me ajudar?belinhablz_05@hotmail.com.Grata
Anônimo disse…
Sou de pato branco paraná.. gosaria de ajudar uma pessoa q conheço (surda) com esse implante. como devo prosseguir, por favor m ajude!maniadeloira@yahoo.com.br
Anônimo disse…
Oi Monique, moro no rio e trabalho numa instituição do interior do estado que lida muito com deficiência auditiva. Você sabe como é a porta de entrada do SUS (Grafreé?) para pleitearmos cirurgia? Meu e-mail é paulacanellas@hotmail.com
obrigada
Anônimo disse…
Oi Monique.
Que bom que a ciencia esta cada vez mais avançada!!!Tenho uma tia que perdeu a audição aos 12 anos,a audição dela pode ser considerada parcial visto que ela escuta um pouco, mas so, se olhar diretamente para a pessoa e ler os labios.Agora esta com 49 anos, sera que no caso dela,voltara a ouvir pelo menos 80%,digamos,caso faça essa cirurgia? Meu e-mail é nice_trancinhas@hotmail.com
Desde ja agradeço a atenção.
Darclilene disse…
Eu Gosataria de saber se tem algum Hospital que faça essa cirurgia no Rio de Janeiro Se Tiver poderia me dar o Site do Hospital e o Telefone
por que eu tenho um filho com um problema de audição e gostaria de saber se aqui no rj tem algum hospital que faz esse tipo de Cirurgia ta
Almir Belmiro Bezerra disse…
meu filho e deficiente auditivo, estou fazendo o inplante nessa terça (24/11/2009) é uma sonho saber que meu filho vai escutar minha voz e mim chamar de pai, eu não sabia de toda tecnologia nessa área. almir.bezerra@vcimentos.com.br esse é meu e-mail caso possa te ajudar?
angela tALARICO disse…
olá! Achei bastante interessante essa cirurgia .Meu marido tem deficiencia auditiva em um dos ouvidos. Voce poderia me informar onde estão realizando esta cirurgia pelo sus na cidade do Rio de Janeiro? obrigada e um abraço.Angela e-mail angietalarico@yahoo.com.br
Luzie disse…
olá,vendo tantos comentários passei aqui para deixar o meu.Meu neto teve meningite e o médico disse que ele perda da audição profunda e comecei a procurar na internete os hospitais em SP que fizesse a cirurgia de implante coclear e encontrei na USP em Bauru e mandei através de email e contei a situação do meu neto que só tem 1 ano e 6 meses e graças a Deus eu consegui mandar e me responderam e ele já teve lá na primeira consulta e agora vai para a segunda para fazer o implante e eu tenho fé em Deus que vai correr tudo muito bem.E a respeito da pessoa que quer saber se no Rio faz esse tipo de cirurgia ainda não faz, mas saiu no jornal o dia que o hospital do fundão na ilha vai começar a fazer apartir de março mas digo esse hospital de Bauru a USP que também chamam de centrinho pelo que eu já vi na internete é muito conceituado e já fizeram cerca de 500 operações dessas e quem não tiver recursos para se manter em Bauru o Governo da o dinheiro da passagem que pode ser de avião ou de onibus depende do médico o que ele vai botar no laudo e mas 300.00 reais para despesas e depois tem que prestar conta no tfd aonde pega o cheque sendo que tem que ter o laudo médico procurar ir no hospital da praça quinze se eu não me engano é no 3 andar para poder da entrada e depois passa pelo médico do fundão para ser havaliado e constatando o problema ai sim eles dão toda a papelada já assinada e carimbada para dar entrada lá no hospital da praça quinze,quem quiser entrar em contato comigo o meu msn está ai terei o maior prazer em ajudar só que vou passar dez dias em bauru apartir de segunda feira dia 25 quando voltar respondo a todos que precisam de ajuda. Meu msn é luzie34@hotmail.com
MONIQUE disse…
Oi Luize, muito obrigada pelo seu comentário. Com certeza vai ajudar muitas pessoas que precisam. Desejamos que a cirurgia do seu neto seja um sucesso, que Deus a abençoe e a toda a sua familia. Monique
Anônimo disse…
boa noite monique,tudo bem?olha, eu tenho um filho com perca auditiva moderada,comecei fazer o tratamento,com uma fonoaudiologa ,so que vejo que é um pouco demorado. gostaria de saber quanto custa esse implante,e se for pelo sus ,se demora. pois estou aflita .gostaria de acabar com esse sofrimento do meu filho.pois tenho quatro filhos com ele,vejo tentando interargir com os irmaozinhos e nao consegue. um abraço ana luiza. meu imail;é ana.luiza1450@hotmail.com
Tatiana disse…
OI TUDO BEM , MEU NOME E TATIANA , TENHO UMA FILHA LINDA CHAMADA EMILY , ELA ESTA COM 10 ANOS E ESTOU MUITO PREOCUPADA SONHANDO QUE UM DIA ELA POSSA REALIZAR O IMPLANTE COCLEAR , JA ME CADASTEI NO IMIP , MAIS LA ME FALARAR QUE SO FAZ O IMPLANTE COM A CRIANÇA ATE 4 ANOS DE IADADE , SO QUE A MINHA JA ESTA COM 10 E FCO PENSANDO QUE VAI FICAR MAIS DIFICIL DE UM DIA ELA CONSEGUIR O IMPLANTE.DEMORA MUITO PELA REDE DO SUS ELES DÃO MAIS PRIORIDADE AS CRIANÇAS RECEN-NASCIDAS . ELA TEM DEFICIENCIA PROFUNDA AMBAS AS ORELHAS , MAIS SEI SE ELA CONSEGUIR FAZER ESSE IMPLANTE ELA , MEMO COM 10 ANOS ELA VAI CONSEGUIR SE ADAPITAR E FALAR POIS ELA E MUITO INYTELIUGENTE . POR FAVOR VE SE VOCÊ PODE ME AJUDAR . MEU EMAIL E TATI_OLIVERBRASIL@HOTMAIL.COM. GRATA !!! TATIANA OLIVEIRA
rose silva disse…
OI MONIQUE QUE DEUS NOS AJUDE OUTRA VEZ OU DER-NOS UMA GRANDE CHANCE A VOUTAR A OUVIR GOSTARIA DE SABER AONDE POSSO REALIZAR MEU SONHO TENHO 27 ANOS MORO EM SALVADOR TERRA DO CARNAVAL NUNCA ESCUTEI UM TRIO ELETRICO FIQUEI SURDO DESDE OS 9 ANOS POIS EU TIVE A DOENÇA MENIGITE.JÁ SE FORAM 18 ANOS GOSTARIA DE SUA AJUDA ONDE POSSO CONSEGUIR UMA SIRURGIA PELO SUS!COM TODO CARINHO DO AMIGO FÁBIO!MSN-BINHOROSORIO27@HOTMAIL.COM
madalena dos santos coggo disse…
oi querida tudo bem entao achei muito legal gostei muito de saber que tem cirurgia para voltar ouvir preciso conseguir urgente para meu filho essa cirurgia obrigada pela postagem bj
Anônimo disse…
Ola, querida meu filho é deficiente audidivo.Com perda profunda e severa, gotaria de saber a onde fazer esse implante, ele tem 13 anos, moramos no RJ. Que Deus te abençoe. anapaula_mixoliver@hotmail.com 14.5.2010
silvia helena disse…
oi como vc esta,meu filho fez a cirurgia dia 15 de março,sua ativaçao vai ser feita agora dia 20 de maio estou muito feliz,ele tem cinco anos,mas e uma criança miuto inteligente,sou do rs...
MONIQUE disse…
Silvia, que ótima notícia você nos dá!!! Eu e minha família ficamos muito felizes em saber da cirurgia de seu filho. Dê um grande beijo neles por nós!!! Aproveito também para cumprimentar toda a turma do Rio Grande do Sul, gente boa e batalhadora. Quero muito conhecer a região sul do Brasil, vou torcer muito pra a empresa ganhar uma obra por esses lados e nos levar... Beijos a todos!!!!!!
Anônimo disse…
Olá, minha filha fez a cirurgia de IC em junho de 2009 e hoje já aprendeu a escutar muitos sons , cada dia que se passa percebmos a evolução dela estamos muito felizes. Ela tem 9 meses de ativação e nós temos que acreditar na evolução e ter muita paciência, pois o processo é muito lento, porém o retorno é garantido...fico muito feliz por minha filha olhar na minha direção quando eu a chamo pelo nome.
renata calazans disse…
minha mãe perdeu 100% da audição após o uso de antibiótico numa cirurgia cardiaca, ela usa aparelho mas ela só escuta barulho, gostaria de saber onde ir, pra ver se ela tem a possibilidade de conseguir voltar a ouvir de novo. moro em Brasília-DF, meu e.mail é raielle@bol.com.br.
Cristina Gomes disse…
Oi Monique, tudo bem c vc? Tenho uma filha de 16 anos tbm deficiente auditiva e gostaria muito que ela fizesse a cirurgia.Moramos no Rio de Janeiro. meu e-mail é crissaudebrasil@hotmail.com Gostaria que entrasse em contato comigo.Um abraço!!!
Anônimo disse…
oi monique,tudo bem?sou casada e meu marido e dificiente auditivo,gostaria muito que ele podesse fazer esta girurgia,pois ele tem muita dificuldade para trabalhar,onde moramos as empresas não contrata dificiente auditivos.como posso fazer para ter acesso a essa cirurgia?um abraço!!!!!e-mail é flordocampo1_@hotmail.com
MONIQUE disse…
Bom dia, tentei te responder por email, mas não consegui. Obrigada pela visita ao BLOG DA MONIQUE. Gostaria muito de ter essa resposta pra te dar, postei essa matéria a pedido de outras pessoas que precisavam levantar esse tema na net. Mas a boa noticia é que tem pessoas que já postaram comentários (ex. Ar. Almir) falando que conseguiram e se dispuseram a ajudar. Por favor... dá uma olhadinha nos comentários porque algumas pessoas deixaram e-mail de contato. Desejo muita sorte e que vocês consigam rapidamente resolver esse problema.
sandra disse…
Oi
Sou do Rio e tenho um filho de 17 anos que quer fazer a cirurgia, vc poderia me auxiliar?
me oriente onde devo fazer a inscrição aqui no rio, meu e mail sandramachado_cg@hotmail.com.
Desde ja obrigada
Oi,meu nome é Patricia mãe do Victor Hugo de dez anos que tem MicrocéfaliaDeficiencia Fisíca,atraso mental,deficiencia auditiva Bilateral total).Faz cinco anos que eu fiquei sabendo que meu filho pode tentar fazer a avaliação para que possa fazer o Implante Coclear,mais não consigo pois a respostas que tenho é que estão fazendo em criança de zero a dois anos.Foi essa resposta quando tentei em Alfenas,quando tentei em Baúru.
Meu filho teve no Hosp. Sara em Belo Horizonte onde fez a cirurgia de alongamento de tendão e e foi praparado para a Inclusão.ele a dois anos frequenta a Escola Municipal na Inclusão social na quarta série do quinto ano.
Eu como mãe queria que meu filho podesse ter essa oportunidade,pois eu creio que ele desenvolveria muito mais.
Então alguém que esteja lendo esse depoimento e possa me ajudar,eu agradeceria muito,porque eu quero que meu filho possa ter todas as oportunidade da vida dele.
Pois temos fé,força de vontade ,eu mãe acredito muito no meu filho ele e capaz só prescizamos de oportunidades.
Obrigado Patricia (patriciamagela2010@hotmail.com)meu email
MONIQUE disse…
Oi Patricia, postei seu comentário na esperança que alguém apareça com uma solução para vocês, infelizmente não tenho como ajudar, mas a função social do Blog é essa, reunir pessoas para juntas acharem uma solução. Algumas pessoas acima conseguiram a cirurgia e se ofereceram para ajudar, entre em contato com elas, veja nos comentários. Pessoalmente acredito que o Victor tem uma missão neste mundo muito importante e com certeza vai aparecer um anjo de bom coração para ajudá-los. Fico feliz que ele tenha uma super mãe que luta por ele, e isso já é uma benção divina. Parabéns amiga, que Deus lhe abençoe.
shirla disse…
Ola monique, adorei seu blog.
Tenho uma filha deficiente auditiva bilateral, ela ta cm 17 anos agora ela teve meninguite aos 11 meses e perdeu a audição. Tentei fazer o implante coclear nela pelo sus no Hospital das Clinicas, mais acabou q nao tive mais condições de volta la p continuar a avaliação pow foi uma pena prq ela tava quase conseguindo quando lembro me da ate dor e ela tmbm tadinha ficou mto triste cm isso e ate hj ela chora por nao ter conseguido.
por isso te peço um auxilio de cm eu posso fazer para tentar fazer a inscrição dela aqui no rio pelo sus e no fundão? desde ja agradelo a atenção e parabéns pelo espaço é mto abençoado.
um enorme bj meu email -
shirla-karla@hotmail.com
Anônimo disse…
Oi Monique, meu afilhado é implantado desde 2 aninhos hoje ele tem 4 anos. É muito bom esta possibilidade de poder ouvir de novo e o quanto antes melhor. O tratamento dado pelo SUS para a realização da cirurgia é surpreendente. A equipe que realiza o procedimento e os profissionais que atuam antes, durante e depois são simplesmente bençãos. Porém agora estamos buscandode escola especializada no Rj para aproveitar ao máximo o aprendizado dele. Aproveito seu espaço para perguntar se vc ou alguem que leia este comentário tem conhecimento de uma esccola adaptada. Parabéns pelas informações passadas. solange_breno@hotmail.com
Anônimo disse…
nascência.Eu descobri esse mês que existe o implante. Marquei minha consulta para saber como é.Eu estou tão ansiosa que queria saber como isso funciona?pessoas que já nasci com esse problema pode fazer mesmo?eu pesquisei os valoes são muito caros como faço para fazer pelo SUS?Podem me ajudarem?
Meu e-mail é andrezassis1@hotmail.com
Anônimo disse…
Amei seu blog me deu muita força descobrimos agora pouco que meu sobrinho Davi de 7meses que ele tem grau de surdez profunda. Ele ja se escreveu na lista da cirúrgia e estamos esperando confiante em Deus que tudo vai dar certo.
MONIQUE disse…
Oi amigo(a), obrigada pelo carinho com o Blog da Monique. Fé amigo(a), que o Davi tem um futuro brilhante pela frente. Ele nasceu em uma família que o ama muito e por isso é muito abençoado. Deus é nosso Pai e um pai sempre Zela pelos seus filhos e não os desampara nunca. Desejo muita saúde para o pequeno Davi, porque amor, sei que ele tem de sobra.
Um grande abraço ao Davi e toda a familia.
Miguel disse…
Oi, Monique,

Eu sou o Miguel Costa de uma pequena cidade do MARANHÃO. perdi minha audição quando eu tinha 12 anos, e de lá para cá, ja se passaram
exatamente 22 anos. e em 2004, um exame revelou que minha surdez era profunda, por isso, depois de tanto me informar, cheguei a dolorosa conclusão, que no meu caso, só é possivel a ouvi com a cirurgia
colocando o implante coclear. Atualmente tenho 33 anos, e desejo muito de um dia poder fazer esa cirurgia, pois meu maior sonho´e voltar a ouvi, por isso, preciso de sua ajuda para me informar, afim de que eu tome as devidas providencias, bem como sãoos primeiros passos, e enfim... desde ja agradeço, pelas as informação recebidas. meu endereço de correio eletrõnico é ese: jbcostinha@gmail.com e MSN: mjcostinha@hotmail.com

Grato! desde já, agradeço sua atenção
Miguel Costa - MA
Anônimo disse…
oi monique adorei a materia tenho um amigo que perdeu a audição aos 10 anos e hoje tem em torno de 50 anos será possivel ele voltar a ouvir e realizar o sonho dele email santos-wilton@hotmail.com
Anônimo disse…
a minha menina nasceu com a perda total dos dois ouvido com um ano e meio ela fez o implante coclear na Unicamp e esta muito bem ela esta com 8 anos e se chama bianca moramos na cidade de Blumenau e ela esta falando muito bem.
Anônimo disse…
Oi .... meu nome é Ana Lucia dos Santos, tenho 49 anos, moro em Santos e tenho um filho Deficiente Auditivo, já fui a 3 congressos de Implante Colear , mas estou sentindo uma certa dificuldade em fazer o processo do implante .
Muitos obstaculos e dificuldades , gostaria de saber de voce se existe algo mais rapido ...
Bjs.
Ana
clarabela_pontes disse…
ola tenho um sobrinho que tem problema auditivo ja é paciente do imip, como devo proceder pra que ela se escreva no processo coclar, estar dificil pra ele arrumar emprego devido a sua deficiencia auditiva, usa um apararelho mais tem muita interferencia, o sonho dele e poder voltar ouvir. trabalho em hospital sei que é muito dificil as coisas pelo sus, mais quem sabe tudo pode acontecer. e-mail clarabela_pontes@hotmail.com
meu nome clarice pontes
clarabela_pontes disse…
ola trabalho em hospital aqui em caruaru -pe, como devo fazer pra conseguir um implante coclear, pra o meu sobrinho, ele ja é paciente do imip, por gentileza mim informe alguma coisa pq posso entrar em contacto com dr antonio figueira. pra essa realização de um sonho de um jovem que precisa trabalhar e estudar. meu e-mail clarabela_pontes@hotmail.com. bjs clarice pontes
Anônimo disse…
Ola me chamo Patrícia sou moradora do Rio de Janeiro, venho por meio deste ,pedir mais detalhamento ou alguem que saiba onde eu devo procurar um hospital ou onde possa ter mais detalhamento de como fazer o implante coclear, fiz uma cirurgia a pouco e depois fiz novamente a audiometria na qual foi constatada a perda t2 dias sónha audição. coloquei os aparelhos faz 2 dias só e parece meio estranho o ouvido operado ou será que realmente estou escutando faz um barulho como se fosse chiado sino,mais o medico me disse que eu não estou escutando nada, caso alguem aqui no rio souber algo aqui esta meu imail morenasilva1@hotmail.com, desde já agradeço a atenção e aguardo contato.12/07/2012
Oi boa tarde! Eu tenho uma namorado que é lutador de jiu-jitsu, ontem pela manhã ele tinha dito que tava com dores de ouvido ai falei para ele ir a uma médico, qndo ele voltou ele falo que ele tava com uma inflamação e com otite só que ele tava ouvindo perfeitamente e o medico passo um remédio para ele colocar, mas mesmo com os ouvidos ruins ele foi treinar, depois do treino a gente se falo e ele tava normal, quando foi hoje pela manhã ele me mando um sms dizendo que estava surdo e que não ouvia nada ai disse para ir novamente em um médico. Depois ele me manda outro sms dizendo que o medico informou que ele tinha perdido totalmente a audição e que no caso dele ele não teria como usar aparelho ou fazer uma cirurgia,pois já tinha afetado uma membrana( acho que é isso não sei o certo) ai eu falei para ele ir em um outro médico que pode ate mesmo ter sido um erro dele. Será que ele realmente vai ficar com essa deficiência ou é só temporaria por causa da otite? Será que para isso não teria uma cirurgia ou então um aparelho não o ajudaria? Desde já agradeço e aguardo respostas.. Bjs
Oi boa tarde! Eu tenho uma namorado que é lutador de jiu-jitsu, ontem pela manhã ele tinha dito que tava com dores de ouvido ai falei para ele ir a uma médico, qndo ele voltou ele falo que ele tava com uma inflamação e com otite só que ele tava ouvindo perfeitamente e o medico passo um remédio para ele colocar, mas mesmo com os ouvidos ruins ele foi treinar, depois do treino a gente se falo e ele tava normal, quando foi hoje pela manhã ele me mando um sms dizendo que estava surdo e que não ouvia nada ai disse para ir novamente em um médico. Depois ele me manda outro sms dizendo que o medico informou que ele tinha perdido totalmente a audição e que no caso dele ele não teria como usar aparelho ou fazer uma cirurgia,pois já tinha afetado uma membrana( acho que é isso não sei o certo) ai eu falei para ele ir em um outro médico que pode ate mesmo ter sido um erro dele. Será que ele realmente vai ficar com essa deficiência ou é só temporaria por causa da otite? Será que para isso não teria uma cirurgia ou então um aparelho não o ajudaria? Desde já agradeço e aguardo respostas.. Bjs
Monique Souza disse…
Infelizmente Tainara não tenho como ajudar... mas posto seu comentário na esperança que alguém que entenda do assunto possa ajudá-la. Boa sorte.
Anônimo disse…
oi me me chamo Paulo sou tio avo da Pietra ela nasceu sem audiçao ela tem 11 meses fez esta cirurgia de implante coclear no hospital sirio libanes em sp, dia 4 de setembro de 2012 a cirurgia correu tudo bem ela nasceu com um olho azul e outro castanho ela e muito linda,que Deus de bastante saude para ela o pai dela para mae e avós.ferrarigas@hotmail.com
Everania disse…
Bom dia, Monique! Adorei seu blog. Tenho dois filhos, Ulisses com 5 anos e Maria Emília com 2 anos, ambos com perda auditiva de severa a profunda. Ele já fez o implante e estamos agardando o dia da ativação e ela está usando o aparelho convencional e está aprendendo a falhar direitinho. Desde que descobri esse problema deles tenho sofrido muito mas me sinto mais perto de Deus. Gosto de me comunicar com pessoas que pssam ou passaram por situações parecidas com a minha, pois sinto que não estamos sozinhos e que é possível superaressas dificuldades. ABRAÇOS, EVERANIA (everaniamaria@bol.com.br) Santana do Cariri, Ceará
lelinha disse…
bom dia. monique adorei seu blog.tenho uma filha MARIA KLARA VITÓRIA DE 03 aninhos ambos com perda auditiva severa profunda bilateral ela esta para fazer a cirugia no imip em recife estamos aguardando a ser chamando nao vejo a hora de minha filha poder ouvie e fala sua primeira palavras esse é o maior sonho de cada pais ve o seus filhos ouvir e falar tenho muita fé em deus que vai dar tudo certo...eu confio no senhor abraços.
lelinha disse…
tambem tenho uma filha com perda auditiva minha filha tambem é pacientes do imip e estamos aguardando para fazer a cirugia vamos cinfia em deus que tudo vai dar certo meu nome é lelinha e moro em conceiçao na paraiba bjsss.
Anônimo disse…
Fiquei mais tranquila com oq eu li aqui. Seu blog é mto importante para pessoas q estão confusas como eu. Obrigada!
Anônimo disse…
OI TENHO UMA FILHA IMPLANTADA HA 3 ANOS ,ESTOU FELIZ POIS JA FALA PALAVRINHA PEQUENAS.SO EM OUVIR CHAMAR MAMAE,PAPAI MUITO BOM.O PROCESO E LENTO E A BATALHA A PROCURA DE FONOS TEMOS QUE NOS ESFORÇAR BASTANTE.ESTOU FELIZ.....
Anônimo disse…
oi Monique td bem?meu tem 15 anos ele surdo neurossensorial bilateral profundo já passamos por vários centro audiologico ,mais ele não se adaptou a nem um aparelho que teve pois fomos em barra mansa estado do rio lá passamos por todos os procedimentos então o otorrino me indicou o implante,já liguei para o fundão fui atendida por uma pessoa que me informou que o cadastro é feito pela internet ,mais me passou um endereço implante.coclear@saude.rj.gov.br mais só que esse endereço é um email,e eu to tendo dificuldades para cadastrar vc pode me ajudar ficarei muito grata meu email martasimone2011_bim@hotmail.com ficarei te aguardando bjssss
Monique Souza disse…
Oi Marta, boa noite, gostaria muito de poder fazer mais por vocês, mas não tenho contatos na área da medicina. Postei essa reportagem porque me emocionei com tantas histórias de lutas e determinação. Sou estudante de Engenharia Ambiental e estou morando no Pará. Mas postei seu comentário, e se você ler os outros comentários dessa postagem você poderá ver que outras pessoas passaram e estão passando por histórias parecidas, e deixaram contatos também para troca de experiencias, acredito que entre eles, haverá alguém que poderá orientá-la melhor. Desejo do fundo do meu coração que dê tudo certo para vocês. Parabéns pela sua força, sua luta. Estaremos rezando e tenho certeza que vocês serão vitoriosos. Um grande abraço e obrigada pela visita ao nosso cantinho.
Anônimo disse…
OI MONIQUE,SOU O DANIEL, DE GOVERNADOR VALADARES M.G,TENHO PERDA AUDITIVA OSSEA NO OUVIDO ESQUERDO E ATÉ HOJE NÃO ME DERAM ESPERANÇA DE OUVIR , POR FAVOR, MEU CASO TEM SOLUÇAO?AGUARDO SUA RESPOSTA VIA E MAIL:SUPORTE@CACIQUEONLINE.COM.BR OU (33)32217640,(33)88156678 ,OBRIGADO
Anônimo disse…
Oi meu nome é Tais, meu namorado é deficiente auditivo, ele perdeu a audição com 2 anos, causa Meningite, hoje ele tem 26 anos e o sonho dele é fazer esse tipo de cirurgia...
Pena que nao temos condições.
Anônimo disse…
Oi meu nome é Diego, Minha esposa é deficiente auditivo, ele nasceu com deficiência auditiva com 2 anos fez cirurgia e hoje fala e usa aparelho convencional mais não esta sendo mais eficaz, o medico disse que ela teria que fazer o implante coclear, pois a perda dela esta acima de 90%, hoje ela tem 31 anos e o sonho dele é fazer esse tipo de cirurgia... mais eu não tenho como pagar, mais ela tem o plano de saúde do Bradesco saúde Top, queria saber como proceder com o plano para que pague o aparelho e a cirurgia pois o fonodiologo eu daria meu jeito para pagar pelo ligamento do aparelho e as atualizações. desde já no aguardo por informações.
Anônimo disse…
ola Monique boa tarde ... meu nome é wellington tenho 24 anos, uso aparelhos auditivos nos dois ouvidos (surdez de modo bilateral moderada) , escutava normal em ambos e muito bem , porem a cerca de 6 anos atras , fui a uma festa e na mesma fique o periodo todo proximo ao caixa de som (caixa de som aqueles tipo de festa em praça publica) a parti dai ja senti no outro dia que tinha algo errado em apenas um do meu ouvidos, porem achava que seria apenas algo passageiro que com o decorrer do tempo ficaria bom logo. O tempo passou e nada mudou , tambem nao min interresei em procura ajuda medica e nem nada. Nisso fui a outra festa, alguns meses depois mas fique poquinho distante do som, embora parace que nao adiantou muito o ouvido ja prejudicado ficou pior. na ultima copa (2010) fui assisti o jogo na praia , caixas de som enormes e muito alto ,porem estava muito distante do palco , mas muito alto o som, e acabei prejudicando o outro ouvido.... menos com ambos ouvidos prejudicados ainda nao procurava ajuda medica, so vim a procura por conta de amigos que me ajudaram e pediram muito. Hoje me encontro usando aparelhos , nao gosto muito, pois todos ficam me olhando, eles (aparelhos) me ajudam um poquinho a compreender as coisas etc, atendo telefone e dependendo como se expressa eu entendo muita coisa, pois sem eles eu nao atendia. mas sinto falta, muita falta de como vivia antigamente... de como eu era antigamente . entao resolvi te escrever , ja tinha visto reportagens sobre cirurgia etc .
entao como voce pode me ajuda ? sou de recife e pelo que vi aqui nao tem ainda um hospital adaptado a forncecer esse tipo de cirurgia , ou estou enganado ?
att ... wellington . ( tom_wellingtondutra@hotmail.com )
abraços
Anônimo disse…
Olá monique , estou maravilhada com este com esse texto, tenho uma irmã que é completamente surda e muda e o sonho dela e escutar e de toda a família tambem tem 25 anos , vc pode me informar como faço pra obter esse benefício do sus .aguardo ansiosa sua resposta. Meu email é Diegoesonia100@yahoo.com.br.

Mensagem

Mensagem

Postagens mais visitadas deste blog

TATUAGEM NATURAL QUE DURA 5 ANOS

ADOREI ESSA NOVIDADE

Ontem aprendi com uma coordenadora da escola uma coisa super legal. Ela me contou que na sua adolescencia fez uma tatuagem natural que durou 5 anos!!!





Isso mesmo!!! Aqui nessa região eles usam um líquido da castanha do Caju para fazer tatuagem. Fica por 5 anos e depois desaparece.
Funciona dessa maneira . . .
A castanha contém um óleo-resina cáustica, conhecido como LCC (líquido da castanha de caju). A composição do LCC é principalmente de ácido anacárdico, cardol (11,31%) e seus derivados. Dentro da castanha é que se encontra a amêndoa oleaginosa, comestível, conhecida e comercializada como castanha de caju.

O LCC causa forte irritação na pele, deixando cicatrizes quase indeléveis que jovens usam para fazer um tipo primitivo de tatuagem. O LCC espesso é de cor escura, tem uso popular para verrugas, calos, edemas, manchas na pele e tecidos de neoformação.

O uso em estado fresco do fruto (castanha) pode provocar lesões na pele, pois é terrivelmente cáustico. Quando as …

BIOGRAFIA RICARDO NUNES - O DONO DA RICARDO ELETRO

UMA HISTÓRIA EMOCIONANTE E VITORIOSA

Hoje eu quero comentar uma história de vida que assisti no Caldeirão do Huck nessa semana. Foi a história de mais um mineiro que acreditou no seu sonho, lutou muito e hoje é um vencedor, sem contudo perder a humildade.


O nome dessa pessoa que aprendi a admirar é Ricardo Nunes.

RICARDO nasceu em Divinópolis - Minas Gerais, em menos de duas décadas, Nunes partiu do ponto zero -- zero mesmo -- para tornar-se dono de uma das dez maiores redes de lojas de varejo do país. Sua trajetória empreendedora começou cedo e teve profunda influência de seu pai, um comerciante de bijuterias. "Meu pai morreu quando eu era criança", diz Nunes, o segundo de quatro filhos. Aos 12 anos após perder o pai Ricardo tinha que ajudar a mãe a cuidar dos irmãos, e por isso começou a vender as mexericas do sitio.
Ia vender perto das escolas e descobriu que gritando, vendia mais. Logo começaram a aparecer outras crianças vendendo perto dele, e então ele aprendeu que precis…

"O Aplicativo Launcher (com.wmt.launcher) parou inesperadamente. Tente novamente" Como resolver esse problema.

Amigos, ha uns dias o Tablet do meu filho começou a aparecer essa mensagem: "O Aplicativo Launcher (com.wmt.launcher) parou inesperadamente. Tente novamente" Clicava na única opção: "Forçar fechamento". Ele fecha a mensagem e ela tornava a aparecer. E isso se repetia. Levei em técnicos de informática e fui informada que deveria procurar as lojas especializadas em celular. Que a unica opção seria reinstalar o sistema Android e que o preço ficaria em mais ou menos 120,00. 
Depois de muito pesquisar encontrei a solução e relativamente fácil. 
Logo ao ligar você recebe a mensagem, então clica em tente novamente e rapidamente para zerar as infos do Launcher, clique no lado esquerdo da tela, ícone de uma casa e fique com o dedo em cima segurando ate aparecer algo, clique em running task, clique em all ,click no icone de casa vermelha "LAUNCHER", clique em limpar dados, ok. Pronto! Espero que ajude!
Funcionou perfeitamente. Uma economia significativa não é... tá n…