domingo, 1 de agosto de 2010

DICIONÁRIO DE QUALIDADES E DEFEITOS

Dicionário de Qualidades e Defeitos
Já reparou que conhecemos pouco sobre nossas Virtudes e Defeitos?
A falta de consciência de nossos defeitos nos faz agir impulsivamente onde apenas criamos problemas.     
A falta de consciência de nossas qualidades nos limita achar as soluções dos problemas existentes mantendo-nos presos ao sofrimento.

O sofrimento é a conseqüência da manifestação dos defeitos na personalidade humana. 
 A felicidade é o resultado da manifestação de virtudes no SER humano.

Bem-aventurado é aquele que expressa as suas virtudes e qualidades..
Vemos a dualidade (polaridades positivo e negativo) manifestando em toda natureza inclusive nos humanos.
Neste texto aprenderemos sobre a dualidade que habita em nós e a escolha que devemos fazer, optar em expressar as nossas qualidades ou permitir que os defeitos controlem a nossa personalidade. 
o   Virtudes = Conjunto de qualidades.

     o   Qualidades = Atributos naturais e positivos do S
    Ego = conjunto de eu’s. 
o   Eu’s = Estados alterados da personalidade.
Ego - Orgulho: Conceito muito elevado de si mesmo. Auto-glorificação.
VirtudeHumildade: Pessoa que possui um bom coração.
Defeitos
Qualidades
Eu superioridade: Sentir-se melhor do que o semelhante.

Modéstia: Ser que é ausente de vaidade ao se apresentar.
Eu auto-suficiente: Aquele que acredita não precisar de ninguém pra nada.

Simplicidade: Ser que é franco e que não complica a vida.
Eu Hipócrita: Manifestação de falsas virtudes; falso sentimento de bondade.
Sinceridade: Ser transparente nas emoções.

Eu arrogante: Atitudes grosseiras com o próximo.


Compreensão: Ser flexível para entender o próximo.
Eu fanático: Adesão cega a uma idéia, doutrina ou sistema. Dedicação excessiva a algo.

Verdade: Ser afirmativo, sem controvérsias de uma realidade ou fato.
Eu julgador: Formar crítica ou conceito sobre algo sem o completo conhecimento.
Justiça: Ser imparcial ao fato sem apego ou aversão.

Eu inferioridade: Diminuir a si mesmo perante as situações.

Auto-estima: Ser que vive de bem consigo mesmo independente das situações externas.





      




Eu Criticador:  Apontar os erros dos outros.

Admiração: Ser que reconhece as qualidades dos outros.
Eu Imitador: Querer ser ou ter o que é do outros.

Autenticidade: Ser original.
Eu Impotente: Incapacidade de exercer algo.
Aptidões: Ser capaz de conhecer e exercer as próprias habilidades.

Eu fofoqueiro: Aquele que comenta sobre a vida alheia ou que não lhe diz respeito.


Respeito: Ser submisso aquele que age certo, não interfere inconvenientemente na vida alheia.
Eu comparador: Ato de medir quem é melhor ou pior.
Cooperação: Ser ágil para ajudar o próximo a resolver problemas.

Eu ingrato: Desprezo a aquilo que lhe foi dado.


Gratidão: Ser atencioso aquele que lhe dar algo. Estar de bem com o que tem.

Eu Humilhador:  Fazer o semelhante sentir-se mal com seus erros.
Compaixão: Ser misericordioso para ajudar o semelhante a superar os seus erros. Necessidade de contribuir.

Ego - Ambição: Desejo de glória ou honras.

 VirtudeFilantropia: Atitudes voluntárias .

Defeitos
Qualidades
Eu quero tudo: Necessitar de mais do que precisa para viver.

Contentamento: Ser contente com o que tem.
Eu insatisfeito: Desprezo ao que é e ao que tem.
Satisfação: Ser afetuoso com o que é e com o que tem.

Eu mesquinho: Aquele que não compartilha o que tem.
Renúncia: Ser apto a abrir mão do que tem ou o que é.

Eu infeliz: Descontente com a vida.

Alegria: Ser jovial com a vida.
Eu ladrão: Adquirir o que é dos outros.
Fraternidade: Ser harmonioso com os homens.

Eu explorador: Abusar das pessoas.

Bondade: Ser disposto a ajudar as pessoas.

Eu manipulador: Desejo de domínio sobre os outros, limitar o livre arbítrio.
Solidariedade: Ser preparado para repartir igualmente as responsabilidades e benefícios entre todos.

Eu apostador: Investir em algo incerto para conseguir benefícios materiais.
Prosperidade: Ser honesto para alcançar benefícios por esforço próprio.

Eu do apego: Depender de algo externo para satisfazer seus próprios interesses.
Abnegação: Ser capaz de desprezar ou sacrificar os próprios interesses para atender ou satisfazer as necessidades alheias.

       Ego - Ira: Explosão de sentimentos nocivos dos homens.

     VirtudeAmor: Manifestação dos sentimentos mais puros dos homens.

Defeitos
Qualidades
Eu irritado: Aquele que se incomoda facilmente.

Tranqüilidade: Ser que é sossegado com si mesmo e com os outros.
Eu antipático: Mal-humorado com os semelhantes.

Simpatia: Ser que é bem-humorado com os semelhantes.
Eu ignorante: Tratar as pessoas sem respeito. Sem conhecimento.

Gentil: Ser que é delicado no tratamento ao próximo.              
Eu ansioso: Que deseja ardentemente alguma coisa.

Paciente: Ser que suporta males e incômodos sem queixar ou revoltar-se.
Eu viciado: Aquele que depende de algo ou psicoativos para sentir-se bem.

Saúde: Ser que tem o organismo em perfeito estado.
Eu tirano: Individuo que tem satisfação em obrigar as pessoas.

Amabilidade: Ser que oferece favor aos outros.
Eu cruel: Que se alegra em ver ou causar sofrimentos nos outros. Insensível.
Carinho: Ser que se alegra em cuidar dos outros.

       Ego - Gula: Buscar tudo em excesso na vida.

     VirtudeEquilíbrio: Capacidade de refrear os desejos alterados.

Defeitos
Qualidades
Eu faminto: Aquele que é insaciável na alimentação.

Temperança: Ser sóbrio no comer e no beber.
Eu acumulador: Anseio em Juntar todos os objetos.
Equanimidade: Ser sereno em todas as circunstâncias.

Eu comilão: Indivíduo que come exageradamente.

Apreciação: Ser aquele que degusta o que come.
Eu consumista: Desejo de comprar tudo que vê.

Desprendimento: Ser Indiferente com as coisas materiais.
Eu intelectual: Indivíduo que gosta de encher a mente com informações.

Sabedoria: Ser que age no conhecimento daquilo que é verdadeiro, justo e útil.

Eu impulsivo: Que age e reage sem refletir.

Controle: Ser que domina os seus próprios impulsos, emoções e paixões.
Eu devorador: Acabar com tudo o que tem.

Moderação: Ser prudente em tudo.
Eu desperdiçador: Mau uso do que tem.
Economia: Ser que faz bom proveito do que tem; aquele que sabe manter o que tem.

Ego - Luxúria: Sensualidade exagerada.

 VirtudePureza: Isento de malícia.

Defeitos
Qualidades
Eu infiel: Aquele que é traidor

Fidelidade: Ser leal aos compromissos.
Eu mercenário: Indivíduo que se relaciona por interesses.

Afeto: Ser que dar carinho as pessoas sem interesses maiores.
Eu sedutor: Usar artifícios, condutas ou produtos, para conquistar alguém.

Naturalidade: Ser que é capaz de conquistar as pessoas pela sua essência.
Eu masturbador: Satisfazer-se egoisticamente por artifício da fantasia.

Inocência: Ser que relacionar-se com as pessoas puramente.
Eu pervertido:  Individuo que desmoraliza o ato sexual. Aquele que se entrega a atos sexuais inaturais.

Eu malicioso: Aquele que pensa maldade sobre os outros.

Eu depravado: Pessoa que fala palavrões e piadas de duplo sentido.
Decência: Ser digno com o próprio corpo e com os relacionamentos.
Fazer do ato sexual algo nobre.

Benignidade: Ser que só pensa o bem sobre os outros.

Moralidade: Ser que merece conhecimento por sua integridade.


 Ego - Preguiça: Sentimento de incapacidade diante do trabalho.

  Virtude Vontade: Estar apto a realizar qualquer tarefa.

Defeitos
Qualidades
Eu desanimado: debilidade para realizar serviços.

Ânimo: Ser que está sempre pronto para tudo.
Eu dorminhoco: Sente necessidade de dormir fora de hora.

Vigor: Ser energético.
Eu desatento: falta de concentração no que faz.

Atenção: Ser que mantêm todos os sentidos em um foco.
Eu irresponsável: aquele que não se pode confiar compromisso.

Responsabilidade: Ser que cumpre com suas obrigações.
Eu sujo: Individuo que é descuidado com a higiene.
Limpeza: Asseado com tudo.


Podemos ver como exemplo quando uma pessoa acorda com o “eu infeliz” e afirma:

        - Hoje o meu dia não vai ser bom. E de fato o dia se torna um desastre.

       É importante no decorrer do dia fazermos afirmações positivas para os nossos propósitos internos.

Quanto mais repetimos tais afirmações toda á natureza conspirará a nosso favor.


                  Vamos aplicar essa técnica? Ao acordar faremos esse decreto.

Decreto: A partir de agora expressarei as qualidades da minha essência e
todo o dia estarei feliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi amigos, adoro quando vocês comentam

Google+ Badge

ÍNDICE GERAL DO BLOG

Pesquisa personalizada