Pular para o conteúdo principal

JOVENS ILUSTRADORES EM OURILANDIA DO NORTE

Pasta, lápis grafite, compasso, pincel, tinta e uma folha de papel em mãos, esses são os materiais recebidos pelos alunos de Ourilandia do Norte, no Pará, que tiveram a primeira aula de ilustração botânica nesta quinta- feira dia 27 na ESCOLA MUNICIPAL PROFESSORA ANTÔNIA BORGES.

Os jovens, do 8° e 9°ano , concorrem com outros alunos de 17 cidades brasileiras onde a Vale atua para fazer o selo da segunda edição do prêmio Brasileiro Imortal, em que cada nova espécie de planta descoberta na Reserva Florestal de Linhares (ES) ganhará o nome de uma personalidade.
As aulas estão sendo ministradas pela ilustradora botânica e paisagista Dulce Nascimento, discípula da inglesa Margaret Mee. Ela é a coordenadora do projeto, reconhecida no exterior pela qualidade dos seus trabalhos.

O encerramento da oficina de Arte será amanhã, sábado(29) , às 16h, na Escola Municipal Professora Antônia Borges, no Setor Dra. Márcia Veloso. Estiveram presentes na abertura do evento a secretária de educação Raimunda Craveiro, o representante da Vale Pedro Scaldini, a Supervisora da Escola Waldelice, as coordenadora Selma e Ana, o diretor Deuseval, os Assessores de imprensa da Vale Alexandre e Bárbara e a ilustradora Dulce Nascimento. Além dos alunos da escola e do municipio estão participando da oficina as professoras da Escola Antônia Borges: Penha, Janaína e Sandra. É maravilhoso, tanto para a cidade quanto para os alunos, receber um projeto como o Jovens Ilustradores. Os estudantes, ainda adolescentes, estão com uma oportunidade única, e devem aproveitá-la da melhor maneira possível.

Esta oficina será um marco na vida deles, que, quem sabe, podem se descobrir nas artes plásticas ou num trabalho botânico científico . Como foi muito bem colocado durante a abertura do evento, Ourilandia do Norte já tem um representante no Clube do Cruzeiro, em Minas Gerais na seleção sub 17 e agora também convocado para a seleção brasileira sub 17. Provavelmente nesta oficina revelaremos novos talentos de Ourilandia para o Brasil. i que através deste projeto estaremos abrindo aos jovens um olhar diferenciado para as questões ambientais, e a preservação da Floresta Amazônica. Observei durante o evento o empenho dos jovens que poderiam estar em qualquer lugar, mas estão na sala de aula porque têm um objetivo, um sonho. É encantador observar a dedicação deles. Mesmo que não sejam os finalistas, já são vencedores, eles estão dando o primeiro passo para serem bons profissionais Desejo boa sorte a todos os participantes Ourilandenses, e mesmo sendo mineira quero que saibam que estou torcendo por vocês. Ourilandia me recebeu de braços abertos e estou feliz e honrada por estar presente neste momento tão importante.

Comentários

gaarota_cocacola disse…
aa eu amo essa cidade ♥
gaarota_cocacola disse…
minha cidaade *-*'
by ; Lais Gomes ,'

Mensagem

Mensagem

Postagens mais visitadas deste blog

BIOGRAFIA RICARDO NUNES - O DONO DA RICARDO ELETRO

UMA HISTÓRIA EMOCIONANTE E VITORIOSA

Hoje eu quero comentar uma história de vida que assisti no Caldeirão do Huck nessa semana. Foi a história de mais um mineiro que acreditou no seu sonho, lutou muito e hoje é um vencedor, sem contudo perder a humildade.


O nome dessa pessoa que aprendi a admirar é Ricardo Nunes.

RICARDO nasceu em Divinópolis - Minas Gerais, em menos de duas décadas, Nunes partiu do ponto zero -- zero mesmo -- para tornar-se dono de uma das dez maiores redes de lojas de varejo do país. Sua trajetória empreendedora começou cedo e teve profunda influência de seu pai, um comerciante de bijuterias. "Meu pai morreu quando eu era criança", diz Nunes, o segundo de quatro filhos. Aos 12 anos após perder o pai Ricardo tinha que ajudar a mãe a cuidar dos irmãos, e por isso começou a vender as mexericas do sitio.
Ia vender perto das escolas e descobriu que gritando, vendia mais. Logo começaram a aparecer outras crianças vendendo perto dele, e então ele aprendeu que precis…

TATUAGEM NATURAL QUE DURA 5 ANOS

ADOREI ESSA NOVIDADE

Ontem aprendi com uma coordenadora da escola uma coisa super legal. Ela me contou que na sua adolescencia fez uma tatuagem natural que durou 5 anos!!!





Isso mesmo!!! Aqui nessa região eles usam um líquido da castanha do Caju para fazer tatuagem. Fica por 5 anos e depois desaparece.
Funciona dessa maneira . . .
A castanha contém um óleo-resina cáustica, conhecido como LCC (líquido da castanha de caju). A composição do LCC é principalmente de ácido anacárdico, cardol (11,31%) e seus derivados. Dentro da castanha é que se encontra a amêndoa oleaginosa, comestível, conhecida e comercializada como castanha de caju.

O LCC causa forte irritação na pele, deixando cicatrizes quase indeléveis que jovens usam para fazer um tipo primitivo de tatuagem. O LCC espesso é de cor escura, tem uso popular para verrugas, calos, edemas, manchas na pele e tecidos de neoformação.

O uso em estado fresco do fruto (castanha) pode provocar lesões na pele, pois é terrivelmente cáustico. Quando as …

"O Aplicativo Launcher (com.wmt.launcher) parou inesperadamente. Tente novamente" Como resolver esse problema.

Amigos, ha uns dias o Tablet do meu filho começou a aparecer essa mensagem: "O Aplicativo Launcher (com.wmt.launcher) parou inesperadamente. Tente novamente" Clicava na única opção: "Forçar fechamento". Ele fecha a mensagem e ela tornava a aparecer. E isso se repetia. Levei em técnicos de informática e fui informada que deveria procurar as lojas especializadas em celular. Que a unica opção seria reinstalar o sistema Android e que o preço ficaria em mais ou menos 120,00. 
Depois de muito pesquisar encontrei a solução e relativamente fácil. 
Logo ao ligar você recebe a mensagem, então clica em tente novamente e rapidamente para zerar as infos do Launcher, clique no lado esquerdo da tela, ícone de uma casa e fique com o dedo em cima segurando ate aparecer algo, clique em running task, clique em all ,click no icone de casa vermelha "LAUNCHER", clique em limpar dados, ok. Pronto! Espero que ajude!
Funcionou perfeitamente. Uma economia significativa não é... tá n…